Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Está chegando a hora...

Está chegando a hora...

por toninhobsf — última modificação 23/06/2015 14h41
Está chegando a hora...

Está chegando a hora...

Eu, vereador Zé Carlos de Oliveira, sirvo-me deste espaço no site da Câmara para abrir meu pronunciamento e desabafo.

O ano de 2012 na Câmara de Bonito foi marcado por muitas polêmicas envolvendo os vereadores de oposição em especial o parlamentar José Carlos de Oliveira (Zé Carlos PDT12) e a atual gestora do município Alderi Caju (PMDB15), onde em muitas oportunidades alfinetou e questionou muitos atos abusivos cometidos na atual gestão.

Tivemos vários Projetos repercutivos e polêmicos onde chegaram a longas e calorosas discussões, mas chegando sempre a melhor solução para a população bonitense, como foi o caso do Projeto de Lei do Regime Geral dos Servidores.

A Câmara renova-se “com figurinhas repetidas” tivemos 4 vereadores reeleitos, foram eles: Chico Pereira, Chico de Lê, Joelson Furtado e Van do Viana. E 5 novos vereadores que são: Profº. Djacir, Ribeiro, Wilson Furtado, Péricles Ramalho e Valdir Tomaz. Dos parlamentares que irão compor o Plenário da Casa apenas 3 estão no 1º mandato.

Ao fim das reuniões ainda consta na Casa duas matérias polêmicas e a 1ª é o VETO que a prefeita fez ao Art. 4º do Projeto de Lei nº 013/2012 - Dispõe sobre a remuneração do(a) Prefeito(a), Vice-Prefeito e Vereadores do Município de Bonito de Santa Fé-PB. que diz: Art. 4º - A remuneração dos Secretários Municipais, fica fixado em R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos reais). Onde a mesma diz que não terá dotação orçamentária para pagar essa quantia aos seus Secretários. E estipulou o valor de R$ 1.800,00 tendo um aumento de 20% apenas. Segundo rumores esse Veto será derrubado pelos parlamentares.

A 2ª matéria é o Projeto de Lei nº 018/2012 – Altera dispositivos da Lei nº 487/2004 ("Dá Estruturação Administrativa ao Poder Executivo Municipal”) e Lei 431, de 28 de maio de 2001(Plano de Carreira, Cargos e Salários dos Servidores da Administração Pública Municipal"),  a matéria reestrutura várias funções que haviam no município destinando vários servidores a mesma função como é o caso dos funcionários que terão a nomenclatura de seus cargos mudadas como por exemplo: Merendeira, Camareira, Assistente de Tv, Zelador de Cemitério, Servente, Diarista, Ajudante e Serviços Eventuais e etc, passarão a  Nova Nomenclatura: Auxiliar de Serviços Gerais – I. Isso não será uma manobra do Executivo para perseguições políticas? Pois vários funcionários questionam o projeto.

E não acabando com as polêmicas a prefeita baixou um Decreto onde o mesmo refere-se a contenções de gastos, pois a máquina pública está passando por dificuldades financeiras. O que é mais curioso é que a prefeita não mediu esforços para conter gastos na campanha onde sempre estava disponível 2 ou 3 carros para deslocamento de doentes para consulta e exames fora do município, não faltou médico no hospital e nos postos do PSF, muitas ajudas para carentes da Secretaria de Ação Social e etc. E agora no fim do campeonato vem com essa de cortar gastos! Conta outra que essa não cola!

E o que mais chama a atenção nesse Decreto é que os funcionários terão que cumprir todo o expediente e assinar livro de ponto, opa mais isso já não deveria ocorrer pois é o normal e comum. Outra coisa muito estranha é o Parágrafo Único do Art. 7º, que diz “Os atestados médicos que venham a ser apresentados por servidores municipais, só terão eficácia, após o Secretário competente, autorizar o seu afastamento” Pelo entendimento o secretário fará a avaliação pelo médico, pois o doutor tem conhecimento na área da saúde e o secretário tem competência para avaliar se alguém pode ou não trabalhar? Ta tudo ERRADO.

Ai fica a pergunta: E porque essa atenção toda com os bonitenses não ocorreu de janeiro para junho deste ano, antes do período eleitoral?

Aos amigos um forte abraço. Vereador JOSÉ CARLOS DE OLIVEIRA PDT12.

RÁDIO CÂMARA - VOCÊ ONLINE COM O LEGISLATIVO